Leite "empedrado" - Como proceder?

Conversando com uma amiga que teve bebê a pouco tempo, a mesma reclamou que seu peito endurecia com facilidade o famoso leite "empedrado" que na realidade se chama o ingurgitamento mamário. Quando iniciei a fase da amamentação com minha Vitória, todo começo foi bastante difícil sofri com o endurecimento das mamas o primeiro mês foi um Deus nos acuda ela terminava de mamar e pouco tempo depois meus seios já estavam cheios ( na teoria graças a Deus ter bastante leite, mas na pratica é uma dor incalculável) sofria com as dores, e acabava sempre recorrendo a ordenha (retirada do leite) até sentir o seio macio novamente, por ignorância minha jogava o leite retirado (pois é) até que uma amiga enfermeira orientou a fazer doações e foi o que aconteceu, aprendi a armazenar para minha Vitória e ainda fazia minhas doações.
Nem sempre conseguia esvaziar as mamas, durante a madrugada muita das vezes era o momento que sentia mais incomodo e com isso acordava com o seio bastante dolorido, duro, muita das vezes tinha que massagear antes de Vitória mamar e ai vinha aquele conselho de avó, passa o pente ... Oiiii??? O pente??? Pois é... minha avó sempre aconselhou a passar o cabo do pente de cima para baixo e acreditem dava certo. A teoria da compressa morna é totalmente errônea, já que a temperatura elevada estimula o aumento da produção do leite.



O correto é massagear os seios com as pontas do dedo, e suavemente com as mãos de cima para baixo e de baixo para cima, apos alguns minutos de massagem posicione a mão em forma de C segurando a aréola e aperte para sair o leite, repita até sentir o seio macio em seguida coloque o bebê para mamar. Compressas com gelo ou paninho com água gelada, aliviam os incômodos, deve ser feita por um período curto, máximo de 2 minutos, caso contrario estimula a produção de leite.
O importante é saber que todo esse incomodo passa, algumas mamães sofrem um pouco mais com a produção de leite, mas sempre conseguem contornar e tornar a amamentação um dos momentos mais prazerosos, claro que é sempre importante consultar seu médico ele saberá orientar melhor sobre qualquer incomodo.
Após a dificuldade a amamentação tornou-se o melhor momento com a minha filha adorava ficar olhando enquanto amamentava, sinto saudades por isso aconselho a todas as mamães aproveitarem ao máximo esse elo entre mãe e filho é único e passageiro.



Beijos,
Manú


Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Oiii aqui é a Bea, estou passando para lhe desejar um ótimo fim de semana e muito sucesso com o seu cantinho...
    Adoro te seguir e ver as novidades no seu blog!! Ótimo post!!
    Beijos do Estante da Bea!
    biaalini.blogspot.com

    ResponderExcluir

Comenta aí amiga!